Você está aqui: Página Inicial > Tauá > Notícias > Fórum aponta novos cursos para campus de Tauá
conteúdo

Notícias

Fórum aponta novos cursos para campus de Tauá

Próxima etapa será audiência pública para a comunidade legitimar os cursos escolhidos
publicado: 19/11/2014 01h00, última modificação: 11/12/2015 13h03
Diogenilson Aquino Auditório do campus de Tauá com representantes da sociedade na escolha de novos cursos para a região dos Inhamuns

Auditório do campus de Tauá com representantes da sociedade na escolha de novos cursos para a região dos Inhamuns

O Instituto Federal do Ceará, campus de Tauá, realizou na manhã desta quarta-feira (19 de novembro) o Fórum de Educação, para discutir com a sociedade a escolha e implantação de novos cursos no campus. A próxima etapa será a audiência pública a ser marcada com o reitor do IFCE e representantes políticos, para que a comunidade referende os cursos escolhidos.

O evento apresentou os resultados da consulta promovida, nos dias 03 a 14 de novembro, para escolher os novos cursos. Foram colhidas aproximadamente duas mil enquetes físicas e pela plataforma web. Após a apresentação dos resultados da enquete, com os cursos técnicos e superiores mais votados em cada eixo tecnológico, iniciou-se o momento de discussão e escolha pelo público dos novos cursos a serem ofertados.

Na Formação de Professores foi escolhido o curso superior de licenciatura em Letras, habilitação em Língua Portuguesa. No eixo Ambiente, Saúde e Segurança, foram escolhidos o curso técnico de nível médio em Nutrição e Dietética e o curso superior em Nutrição. No eixo de Infraestrutura, ficaram definidos o curso técnico em Edificações e o bacharelado em Engenharia Civil. No eixo Informação e Comunicação, foram escolhidos o curso técnico em Telecomunicações e o bacharelado em Engenharia de Telecomunicações. Por último, no eixo de Recursos Naturais, foram definidos o curso técnico em Zootecnia e o bacharelado em Agronomia.

De acordo com o diretor do campus de Tauá, professor José Alves Neto, a expectativa é de oferecer em 2015 um curso superior no eixo de Recursos Naturais e um curso técnico no eixo de Informação e Comunicação. “Como já temos a estrutura de laboratórios e professores nesses dois eixos, esperamos ofertar já no próximo ano, pelo menos, mais dois cursos. Com relação aos outros eixos, vamos elaborar os programas dos cursos e incluir no nosso Plano de Desenvolvimento Institucional, para que até 2018 estejamos com toda estrutura para oferecer esses novos cursos.”, concluiu o diretor.

Participação da sociedade
Participaram do evento representantes da Secretaria Municipal de Educação; do Conselho Municipal de Educação; Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede 15); Universidade Estadual do Ceará (Uece); Secretaria Municipal de Agricultura; Secretaria Municipal de Assistência Social; Câmara de Dirigentes Lojistas de Tauá; Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM); Fundação Bernardo Feitosa; Pacto Ambiental; Rota do Cordeiro; além de diretores de escolas e associações da região dos Inhamuns.

Para o secretário de Educação de Tauá, João Alcimo, a iniciativa do Instituto Federal/ campus de Tauá foi relevante para o município e toda a microrregião dos Inhamuns. “Nesse momento foi discutido o futuro de muitas pessoas, principalmente nossas próximas gerações”, completou o secretário.

A presidente da Fundação Bernardo Feitosa (mantenedora do Museu de Tauá), Dolores Feitosa, no auge da experiência dos seus 90 anos, destacou a importância do momento. “Estou aqui porque é importante pensar na escolha de cursos que irão formar mão de obra qualificada para a nossa região. E quero que eles sejam aproveitados aqui.”, explicou.

Diogenilson Aquino - campus de Tauá

registrado em:
Assunto(s): Educação