Você está aqui: Página Inicial > Noticias > Notícias de destaques > IFCE se reúne com bancada cearense e governo do Estado
conteúdo

Notícias

IFCE se reúne com bancada cearense e governo do Estado

Na pauta, ações para reverter o bloqueio de 30% do orçamento da instituição
publicado: 13/05/2019 16h41, última modificação: 13/05/2019 16h54

O reitor do IFCE, professor Virgílio Araripe, participou, nesta segunda-feira (13), de uma reunião com o governador do Ceará, Camilo Santana, o senador Cid Gomes e parlamentares da bancada cearense na Câmara Federal para discutir ações que possam reverter o bloqueio orçamentário das instituições federais de ensino que foi anunciado pelo Ministério da Educação.

Na reunião, os reitores presentes (IFCE, UFC, UFCA e UNILAB) foram unânimes em dizer que o bloqueio dos recursos vai inviabilizar a oferta atual de serviços e investimentos realizados pelas instituições. O professor Virgílio Araripe apresentou números do IFCE e ações importantes que são desenvolvidas pela instituição em várias áreas do conhecimento no ensino, pesquisa, extensão e inovação.

Além disso, o reitor do IFCE expôs dados orçamentários, a projeção de impacto no funcionamento na instituição e dos prejuízos que podem ser causados a inúmeros jovens cearenses que têm sua vida transformada ao ingressar na instituição. “Se não houver uma situação contrária, não dá para fazer realinhamento interno com esse valor, pois a matemática não bate. Isso está nos preocupando. É importante ter toda a sociedade envolvida, lutando conosco para que possamos reverter essa situação. Não tem outro caminho”, ponderou Virgílio Araripe.

Já o governador Camilo Santana aguarda que o Governo Federal possa manter os recursos disponíveis para que as instituições mantenham investimentos e custeios de suas atividades sem prejuízo para alunos e servidores. “Esperamos sensibilidade do presidente da República para rever essa decisão de imediato. Faremos tudo o que estiver ao nosso alcance para que esse bloqueio de verbas das universidades e institutos federais seja revisto o mais rápido possível”, enfatizou o governador.

O deputado federal Domingos Neto, coordenador da bancada, afirmou que os parlamentares precisam agir de forma conjunta para que o orçamento das instituições federais seja mantido. “Esses cortes atingem a todos os setores da sociedade, e é necessário que os deputados façam uma forte pressão para que haja um recuo”, comentou.

No encontro, foram definidas algumas estratégias. Uma das ações acordadas é de que a bancada cearense fará requerimentos em cada uma das comissões especiais que os parlamentares participam para convocar o ministro da Educação, Abraham Weintraub, a dar explicações sobre a decisão. Além disso, uma audiência pública também será realizada na Assembleia Legislativa para discutir o assunto.

 Da bancada federal cearense estiveram presentes os deputados Antônio José Albuquerque, Mauro Filho, José Guimarães, André Figueiredo, Leônidas Cristino, Eduardo Bismark, Robério Monteiro e Domingos Neto.

Também acompanharam o encontro a vice-governadora Izolda Cela; o secretário da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Inácio Arruda; o presidente da Assembleia Legislativa, José Sarto; e o líder do Governo na AL, deputado Júlio César Filho.

 

COLDIR

Ainda nesta segunda-feira (13), no período da tarde, o reitor do IFCE reuniu, em caráter extraordinário, o Colégio de Dirigentes (do qual fazem parte pró-reitores, diretores sistêmicos e diretores-gerais de campus) para discutir o assunto e apresentar medidas que deve ser adotadas enquanto o bloqueio não é revertido.