Você está aqui: Página Inicial > Sobral > Notícias > Ofício orienta sobre economia de energia
conteúdo

Notícias

Ofício orienta sobre economia de energia

Comunicado foi enviado pelo Departamento de Administração e Planejamento
publicado: 13/06/2019 15h02, última modificação: 13/06/2019 15h02

Orientações de economia de energia para redução de despesas

Prezados(as) Membros da Comunidade Acadêmica do Campus de Sobral,

Como é de conhecimento de todos, o Governo Federal publicou, nos meios oficiais, um contingenciamento dos recursos orçamentários de custeio. No campus de Sobral, o impacto foi de 39% dos valores necessários para o funcionamento desta instituição.

No intuito de adaptarmo-nos a uma iminente falta de orçamento para o funcionamento do campus, o Departamento de Administração e Planejamento realizou estudos e verificou que uma redução no consumo de energia impactaria de forma significativa nas nossas finanças. Esse gasto é de cerca de R$ 458 mil/ano, assim, essa ação, juntamente com outras em paralelo, acompanhadas e posteriormente avaliadas, poderão ser suficientes para não atacarmos outras despesas e não gerarmos cortes mais profundos em nosso funcionamento.

Para que a redução na energia seja efetiva, elencamos os pontos abaixo que deverão, sempre que possível, ser seguidos:

1. O consumo de energia no campus de Sobral no período de 17h30 às 20h30 representa 50% do valor de nossa conta total mensal, assim, qualquer economia nesse horário terá um grande impacto em nossa conta, neste sentido orientamos:
1. Sempre que possível, não utilizar aparelhos de ar-condicionado nesse horário, ou, em locais que possuam dois aparelhos, ligar apenas um deles;
2. Tentar, sempre que possível, não realizar práticas em laboratórios ou outras atividades de pesquisa e extensão que consomem muita energia nesse horário. Tentar alocá-las em outros horários;

2. Quanto ao uso do ar condicionado:
1. Manter portas fechadas enquanto o aparelho estiver ligado, isso melhora a eficiência do equipamento;
2. Ajustar o equipamento somente até o mínimo de 23o. Essa é a temperatura mínima limite de conforto de um humano;

3. Sempre que sair de sala ou gabinete ou outro ambiente:
1. Apague luzes;
2. Desligar o aparelho de ar-condicionado, ou sempre avise quem possa desligar;
3. Desliguem o monitor e computador sempre que for sair por muito tempo de salas ou gabinetes. Procure programá-lo para desligar automaticamente;
4. Sempre que possível, durante o dia, utilize luz natural das janelas e/ou basculantes;
5. Sempre que possível, de preferência à noite, utilize a ventilação natural das salas ou gabinetes.

Outras ações de economia de energia estão sendo implementadas pelo Departamento de Administração e Planejamento através Coordenadoria de Infraestrutura, dentro das nossas limitações e recursos.

Essas ações são uma construção em conjunto com a comunidade acadêmica, onde a unidade de todos e a consciência de cada um serão fundamentais para que atinjamos as metas necessárias para não aprofundarmos em outros cortes, tentando sempre manter o funcionamento do campus com o mínimo de prejuízos possíveis.