Você está aqui: Página Inicial > Noticias > Notícias de destaques > IFCE sobe mais de 40 posições no ranking do INPI
conteúdo

Notícias

IFCE sobe mais de 40 posições no ranking do INPI

CRESCIMENTO

Evolução no depósito de registros em programas de computador é expressiva
última modificação: 07/10/2021 19h34
Crescimento na área de programas de computador foi expressivo

Crescimento na área de programas de computador foi expressivo

O Instituto Federal do Ceará (IFCE) saiu, em dois anos, do 49º para o 6º lugar no ranking nacional de depósito de registros de programas de computador, dados do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI). Para Joélia Marques, pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação da instituição cearense, essa evolução se deve, além do planejamento e trabalho interno, que tem entre os frutos a consolidação da Política de Inovação, à interlocução com atores da área de tecnologia e à atuação do Polo de Inovação do IFCE - unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii).

“Alguns fatores são determinantes pra esse crescimento, como o número de projetos, a captação para investimentos, o diálogo que o IFCE sempre teve com empresas do setor, principalmente na área de tecnologia, além da existência e atuação do nosso Polo de Inovação, cujo trabalho, ao longo dos anos, tem refletido nitidamente nesse ranking”, destaca a pró-reitora. “Outro fator decisivo é a nossa política de inovação, que possibilitou o fortalecimento do nosso NIT (Núcleo de Inovação Tecnológica) e, com isso, a gente acredita que a informação sobre o registro de softwares e o procedimento de propriedade intelectual tem avançado na nossa instituição”, acrescenta.

A relação institucional entre IFCE e INPI tem sido um marco na evolução do instituto cearense no âmbito da pesquisa. No fim do ano passado, as duas entidades assinaram um acordo de cooperação técnica. Entre os objetivos, estão o fomento a atividades de conscientização e disseminação da cultura e uso do sistema de Propriedade Industrial (PI) no Ceará, melhoria de qualidade dos pedidos de propriedade intelectual depositados pelo IFCE, ofertas de cursos e atividades de mentoria, além de outras linhas de ação.

Ainda com relação à proximidade entre as duas instituições, o INPI possui sua Unidade Regional no Ceará, localizada no Polo de Inovação Fortaleza, do IFCE. A parceria faz parte do programa INPI Negócios e visa a atender demandas das cadeias produtivas locais por meio de pesquisa, desenvolvimento e inovação.

77684968-ad26-414d-88b0-a18144d48b18.jpeg

Polo de Inovação do IFCE, que sedia o INPI no Ceará e promove a valorização da cultura de propriedade industrial

O Plano de Trabalho INPI - IFCE tem como principais atividades o diagnóstico do uso do sistema de PI pelo IFCE; orientações especializadas para o aumento do volume de depósitos, melhoria da qualidade e diversificação dos instrumentos de PI, por meio de mentoria presencial e telementoria; e formação de especialistas e rede de multiplicadores para o estado do Ceará.

O diretor-geral do Polo de Inovação do IFCE, Tarique Cavalcante, também comemorou os resultados. "A obtenção do 6º lugar no ranking do INPI de depositantes residentes de programas de computador é consequência da atuação sistemática e sustentável do IFCE no âmbito da inovação. Basicamente, foram providos meios para que a competência técnica dos servidores e discentes do IFCE lograssem êxito e obtivessem o reconhecimento e o destaque merecidos", destacou o gestor.

 Cavalcante apontou também que o IFCE possui um potencial imensurável na inovação e há muito ainda a ser explorado. "Pretende-se, nessa atual gestão, potencializar o exitoso trabalho realizado nos últimos anos. Para isso, algumas mudanças foram realizadas ,como por exemplo: a incorporação do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT) ao Polo de Inovação, bem como a expansão da atuação do Polo, para além de unidade EMBRAPII, atendendo a todas as áreas do conhecimento". O planejamento já vem gerando resultados positivos, a exemplo da superação, nos nove primeiros meses de 2021, dos números de 2020 - que renderam o 6º lugar ao IFCE no ranking mencionado. "Muita coisa boa está por vir para o IFCE no âmbito da inovação", adiantou Tarique.

Formação

Na avaliação da pró-reitora Joélia Marques, a evolução do IFCE no ranking nacional de depósito de registros em programas de computador do INPI representa uma aproximação ainda maior da formação exercida pelo IF ao desenvolvimento de tecnologias que, em breve, estarão no mercado. “Esses softwares registrados poderão estar, nos próximos anos, nas próximas ‘startups’ de sucesso, em programas de computador que poderão nos auxiliar no dia a dia; cada passo dessa evolução mostra a inserção das tecnologias desenvolvidas pelo IFCE no mercado”, frisa.

Ranking INPI

Depositantes residentes - 2020 - Programas de computador 

Histórico do IFCE no referido ranking:
2018 - 49º
2019 - 18º
2020 - 06º

Luís Carlos de Freitas - Comunicação Social - Reitoria