Você está aqui: Página Inicial > Noticias > Notícias de destaques > Agende-se: Bienal tem três noites de atrações musicais
conteúdo

Notícias

Agende-se: Bienal tem três noites de atrações musicais

DO POPULAR AO ERUDITO

Palco da Reitoria receberá um verdadeiro desfile de grupos consagrados; não perca
última modificação: 28/11/2018 18h17

Quem gosta de boa música vai ter muitas opções a partir desta quinta-feira (29) na I Bienal Internacional de Música do IFCE Paulo Abel do Nascimento. Uma verdadeira seleção musical vai passar pelo palco da Praça Carlos Torres Câmara, da Reitoria do Instituto, no bairro Jardim América. O evento vai até o sábado, dia 1º de dezembro.

Logo na abertura, às 18h, o repertório variado dos pratas da casa: a Big Band Jazz A7 desfila clássicos de artistas estrangeiros (Duke Ellington, Chick Corea, Herbie Hancock) e brasileiros (Hermeto Pascoal e Luiz Gonzaga). Em seguida, é a vez do consagrado Coral da UFC, cuja reputação se consolidou recentemente através dos espetáculos, “Borandá Brasil” e “Gonzagas”, que tiveram grande repercussão fora do país. Fechando a primeira noite, a cantora argentina Cecilia Stanzione e o instrumentista carioca Mário Séve entrelaçam sons argentinos e brasileiros em um show intimista, baseado no DVD “Samba Errante” – aclamado pela crítica.

O segundo dia também reserva grandes atrações na Praça Carlos Câmara. Começando às 18h com o grupo Doces Flautas Doces, nascido há três décadas na então Escola Técnica Federal do Ceará. Dirigida pela professora Cecília do Valle, a formação promete embalar os corações com uma mescla de influências eruditas e populares.

Em seguida, será a vez da Camerata de Violões do IFCE. Liderados pelo prof. Eddy Lincolln, os músicos compõem dos grupos de violões mais expressivos da atualidade – e que está prestes a completar 10 anos de atuação. Fechando a sexta, sobe ao palco a Choro Grande Banda, da Universidade Estadual do Ceará. Com existência dedicada à atividade artístico-cultural na comunidade acadêmica da UECE, atua com repertório e formação diversos, sob a orientação do Prof. Ms. Pablo Garcia.

No terceiro e último dia (sábado, 01/12), a Orquestra Pop e Jazz do IFES abre os trabalhos da noite. Com cerca de 50 integrantes e uma variedade enorme de instrumentos (saxofones, trompetes, trombones, guitarra, bateria, baixo, piano, percussão e outros), o grupo promete dar um verdadeiro espetáculo. Eles serão seguidos pela Camerata da Unifor, que participou da gravação de oito discos, com destaque para as parcerias com o sanfoneiro Waldonys e o contratenor português Luís Peças.

Fechando a noite, o Instumental Mira Ira, tradicional laboratório de práticas culturais do Isntituto. Eles mostrarão o show Sotaques Brasileiros - espetáculo musical traz de forma poética os sons do nosso povo e a destreza de cada músico como intérprete também da nossa latinidade.

A Bienal tem apoio de várias instituições: Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes), Universidade Federal do Ceará (UFC), Universidade Estadual do Ceará (Uece), Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), Universidade de Fortaleza (Unifor), Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e Governo do Estado do Ceará.

Não perca nenhuma performance! As apresentações começam às 18h de cada dia.

Quinta (29/11)

Solenidade de Abertura da Bienal
Big Band Jazz A7 IFCE
Coral da UFC
Cecilia Stanzione e Mário Sève

Sexta (30/11)

Doces Flautas Doces IFCE
Camerata de Violões IFCE
Choro Grande Banda UECE

Sábado (01/12)

Orquestra Pop e Jazz IFES
Camerata da Unifor
Instrumental Mira Ira IFCE

 

Dowglas Lima - Reitoria

registrado em: