Você está aqui: Página Inicial > Noticias > IFCE Guaramiranga abre 100 vagas para curso online em turismo
conteúdo

Notícias

IFCE Guaramiranga abre 100 vagas para curso online em turismo

Inscrições estão abertas pela internet; candidato precisa ter ensino médio
última modificação: 05/03/2021 15h58

Estão abertas até o dia 15 de março as inscrições para o curso online ”Agente de Informações Turísticas com Ênfase em Atrativos Naturais”, realizado pelo campus de Guaramiranga do Instituto Federal do Ceará (IFCE), em parceria com o Ministério do Turismo (MTur). A formação é gratuita e oferece 100 vagas. Para se inscrever, basta o interessado acessar a plataforma FICemCasa. As aulas, num total de 280h, acontecem de 29 de março a 8 de julho.

A capacitação é voltada a jovens e adultos de qualquer estado, interessados pela área de turismo, hospitalidade e afins e que tenham concluído o ensino médio. O curso engloba, além da formação sobre atrativos turísticos, matérias como comunicação e oratória, ética e etiqueta profissional, tecnologia da informação, empreendedorismo e inovação e inglês aplicado ao turismo, entre outras. Haverá certificado após a conclusão.

“Faz parte do plano de retomada da atividade turística, lançado pelo Ministério do Turismo. Nosso campus submeteu a formação ao edital e foi aprovada. É a única instituição cearense que está ofertando o curso dentro desse plano. Nosso objetivo é qualificar o aluno para atuar nesse cenário atual, com vínculo a alguma empresa, de maneira autônoma ou mesmo desenvolver uma perspectiva empreendedora”, destaca a diretora do campus de Guaramiranga, Lúcia Aguiar.

Ela enfatiza que a unidade do IFCE em Guaramiranga é a única da rede federal a possuir um hotel-escola e que o empenho do corpo de servidores tem possibilitado a oferta do capacitação. A gestora adianta que o curso deve abrir nova turma no próximo semestre, devido à relevância da formação para o mercado, tanto local como nacional.

O secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo do MTur, William França, reforça a importância da capacitação. “Destinos que oferecem atrativos culturais e de natureza são cada vez mais procurados, principalmente com a realidade imposta pela pandemia. Isso exige que tenhamos profissionais cada vez mais qualificados para o atendimento deste público, a fim de proporcionar as melhores experiências possíveis aos viajantes”, justifica.

Luís Carlos de Freitas - Reitoria (com informações do MTur e IFCE Guaramiranga)