Você está aqui: Página Inicial > Aracati > Notícias > Palestra aborda avanços da aquicultura israelense
conteúdo

Notícias

Palestra aborda avanços da aquicultura israelense

RECURSOS NATURAIS

Evento promovido pelo campus de Aracati aponta possibilidades de parcerias internacionais
publicado: 09/05/2019 09h15, última modificação: 09/05/2019 09h40
Exibir carrossel de imagens Pesquisadora Isabel Portugal também visitou instalações do eixo de recursos naturais do campus

Pesquisadora Isabel Portugal também visitou instalações do eixo de recursos naturais do campus

A palestra apresentada pela pesquisadora Isabel Portugal, da Universidade Ben-Gurion do Negev, realizada no dia 7 de maio, no campus de Aracati, abordou os avanços tecnológicos desenvolvidos pela universidade israelense na área de Aquicultura. Graduada em Ciências Biológicas e com mestrado em Aquicultura realizado no Brasil, Isabel concluiu seu doutorado em Israel, no ano passado, na área de Biotecnologia, com foco em cultivo de microalga. 


“Meu objetivo com essa palestra é primeiro mostrar algumas linhas de pesquisa que existem em Israel e aproximar pesquisadores de ambos países”, esclarece a professora. Ela acrescenta que a iniciativa visa também favorecer a aproximação entre empresas e start up ao ambiente acadêmico no Brasil, modelo este já usado em Israel.

De acordo com o professor William Alves, do eixo de recursos naturais do campus, a palestra é “o início de possíveis parcerias futuras e transferência de tecnologia entre instituições israelenses e o IFCE”. Na sua avaliação isso “possibilitará a alunos, professores e técnicos realizarem mestrados, doutorados e pós-docs em Israel além de participarem em projetos na área de produção de microalgas, piscicultura e aquaponia, integrando técnicas locais e israelenses de segurança hídrica e alimentar”.

Tais possibilidades são ratificadas pela professora Isabel Portugal. “Acredito que essa parceria entre ambientes que tem recursos limitantes ( sul de israel e Nordeste do Brasil ) tem tudo para dar certo”, espera.

Plataforma colaborativa
Em Israel, Isabel Portugal trabalha em um projeto de agricultura sustentável do qual é cofundadora: o NegevNet, uma plataforma colaborativa que busca fomentar intercâmbios, convênios e cooperações entre entidades acadêmicas e empresariais para ajudar a transformar desertos em áreas verdes. O nome tem inspiração no Deserto do Negev, que ocupa 60% do território israelense.

A ideia do NegevNet é replicar o modelo para que muitas comunidades carentes no mundo consigam produzir alimentos de uma forma sustentável mesmo em condições de solo mais adversas, como o deserto.

Elinaldo Rodrigues - Campus de Aracati