Você está aqui: Página Inicial > Aracati > Notícias > IFCE e parceiros celebram conclusão de curso de Libras em Aracati
conteúdo

Notícias

IFCE e parceiros celebram conclusão de curso de Libras em Aracati

EXTENSÃO

Iniciativa capacitou profissionais que atuam na segurança pública no município
última modificação: 27/09/2019 15h13
Exibir carrossel de imagens Lídia Farias Encerramento do curso de Libras para profissionais da segurança pública

Encerramento do curso de Libras para profissionais da segurança pública

O IFCE campus de Aracati encerrou nesta quinta-feira (26), em parceria com a Prefeitura do Município, o primeiro curso de extensão em Libras com foco na formação de profissionais que atuam na segurança pública local. A cerimônia foi realizada na sede da Marinha (Agência Aracati), com a participação de representantes de instituições cujos integrantes participaram do curso, tais como Departamento Municipal de Trânsito (Demutran), Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros, Polícias Civil e Militar, Resgate Municipal, Fórum de Aracati, Exército, Defesa Civil.

De acordo com a tradutora intérprete de Libras do campus de Aracati, Tânia Santos, coordenadora do curso, a iniciativa objetiva capacitar os profissionais da segurança visando melhorar o atendimento e acessibilidade para a comunidade surda de Aracati. Além disso, ela destacou o propósito de atender à legislação que regulamenta a Língua Brasileira de sinais, determinando que todos os órgãos precisam ter profissionais com formação em atendimento às pessoas surdas.

Na opinião do aluno José Lima, segundo sargento da Marinha do Brasil, lotado na agência da capitania dos portos em Aracati, o curso contribui bastante à atuação na segurança pública do município, melhorando cada vez mais o atendimento em todas as áreas. “A gente não sabe o quanto é difícil para uma pessoa que tem deficiência fazer uma coisa simples que é, simplesmente, a comunicação”, ele avalia.

A mudança de percepção quanto ao papel desse curso na atuação dos profissionais de segurança foi destacado também pelo gerente de Enfermagem do Resgate Municipal Álvaro Costa. “Foi o primeiro contato que tive com Libras e, realmente, foi um diferencial sem igual. Não tem nem como explicar diretamente o quanto melhorou e o quanto ampliou a nossa visão em relação a essa comunidade”, ele salienta.

O minicurso teve início no dia 1 de agosto, com carga horária de 36 horas. Além da tradutora e intérprete Tânia Santos, as aulas foram ministradas pelo aluno Caio Matheus, também do IFCE, e pelos membros da Associação de Surdos de Aracati, Levi Sousa e Juliana Costa.

Elinaldo Rodrigues - campus de Aracati