Você está aqui: Página Inicial > Aracati > Notícias > IFCE comemora 9 anos em Aracati
conteúdo

Notícias

IFCE comemora 9 anos em Aracati

CELEBRAÇÃO

Inauguração de laboratórios marca aniversário do campus
publicado: 01/03/2019 12h22, última modificação: 01/03/2019 16h01
Campus de Aracati foi inaugurado em fevereiro de 2010

Campus de Aracati foi inaugurado em fevereiro de 2010

Ao completar 9 anos de funcionamento, o campus de Aracati do Instituto Federal de Educação do Ceará (IFCE) celebra uma série de conquistas relacionadas sobretudo à infraestrutura física. As comemorações culminam com a inauguração dos laboratórios de Química, Alimentos e Bebidas, Aquicultura e Informática, numa cerimônia que ocorrerá no dia 7 de março, às 18h. A solenidade contará com a presença do reitor do IFCE, Virgílio Augusto Araripe, do deputado federal André Figueiredo, além dos gestores do campus, tendo à frente a diretora-geral, Márcia de Negreiros Viana, dentre outras autoridades. Após o descerramento da fita inaugural, haverá uma visita guiada às instalações dos laboratórios.

A estruturação desses equipamentos vai possibilitar o desenvolvimento de experiências práticas em todos os cursos. Conforme explica a professora Ana Cristina de Lima e Souza Oliveira, chefe do Departamento de Ensino do campus, no caso do laboratório de Química, por exemplo, “além da própria licenciatura em Química e do técnico em Petroquímica, será bastante útil nas experiências práticas do núcleo de alimentos e bebidas ligado aos cursos do eixo Hospitalidade”, destaca.

Da mesma forma, segundo ela, o laboratório de Aquicultura, que beneficiará diretamente o curso técnico e da engenharia na área, vai favorecer uma parceria com o eixo hospitalidade, já que os produtos gerados na disciplina Beneficiamento de Pescados poderão ser utilizados nas disciplinas do curso de Hotelaria, por exemplo. “Com certeza agora, o ensino, a pesquisa e a extensão conseguem avançar em passos mais largos”, salienta Cristina.

De acordo com o professor Sandro Neves, coordenador do curso de Engenharia em Aquicultura, essa estrutura também vai possibilitar maior “apoio ao setor produtivo com fornecimento de alevinos, análise de qualidade de água, diagnósticos de enfermidades, ações de extensão voltadas para qualificação da mão de obra especializada, entre outros”.

Ele esclarece que as novas instalações do eixo de recursos naturais envolvem uma estação de piscicultura, uma unidade de aquaponia e os laboratórios de processamento de pescado, de qualidade de água, de alimento vivo e de reúso de água.


Permanência e êxito
No momento em que se comemora o aniversário do campus, soma-se aos investimentos na infraestrutura o fortalecimento das estratégias didáticas, incluindo a ampliação das ações de pesquisa e extensão e das medidas voltadas para a permanência e o êxito discente.


Ações de pesquisa e extensão

No âmbito da pesquisa e extensão, a atuação do campus de Aracati tem se aplicado de acordo com a realidade de cada área.

No eixo de tecnologia se destacam iniciativas como o projeto Pilar, no qual, por meio de monitoria voluntária, os próprios alunos se tornam protagonistas na oferta de suporte na aprendizagem aos colegas. Além disso, o crescente volume de parcerias com a iniciativa privada tem ampliado a abertura do mercado de trabalho para os alunos.

No caso do eixo de recursos naturais, que envolve os cursos de Aquicultura, destaca-se a promoção de eventos que mobilizam produtores, instituições de ensino e pesquisa e empresas ligadas aos segmentos.

Já no eixo de processos industriais, sobretudo em função da licenciatura em Química, segundo a professora Ana Cristina, as ações focam a educação. “Uma das conquistas foi a oferta, em 2018, de 25 bolsas do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid) para este semestre, visando ampliar a capacitação dos alunos que se tornarão futuros professores”, salienta ela.  No caso da Petroquímica, que consiste no ensino médio integrado ao técnico, as histórias de sucessos protagonizadas por alunos aprovados no Enem são um bom sinal quanto ao papel da instituição. “Isso sinaliza já a qualidade do ensino, que é prioridade do nosso campus”, avalia.

Quanto ao eixo de Hospitalidade, que envolve os cursos técnicos de Guia de Turismo e  Eventos e o tecnológico em Hotelaria, há um canal mais direto com a realidade local, conforme esclarece Cristina: “Como é muito próximo da vocação econômica do município, ele contribui muito com a formação do profissional que atende esse mercado de trabalho. Isso favorece também as parcerias para realização de aulas práticas ligadas ao núcleo de alimentos e bebidas e à organização de eventos”.

Para a diretora-geral do campus, Márcia Viana, todas as ações tomadas pelo instituto em Aracati, ao longo do tempo, têm sido em prol de uma educação de qualidade. “Nesse intuito, a gente conta com o esforço da comunidade acadêmica, parceiros e as famílias dos alunos para o fortalecimento de uma sociedade com excelência profissional e cidadãos comprometidos com o bem-estar social”, conclui.

Saiba mais:
Resumo histórico do campus

Elinaldo Rodrigues - campus de Aracati