Você está aqui: Página Inicial > Aracati > Notícias > Egresso de Aracati vai publicar artigo em evento nacional
conteúdo

Notícias

Egresso de Aracati vai publicar artigo em evento nacional

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

Trabalho possibilita calcular probabilidades relacionadas à evasão escolar e auxilia na solução do problema
última modificação: 17/05/2019 08h16
Daniel concluiu o bacharelado em Ciência da Computação no campus de Aracati em 2016

Daniel concluiu o bacharelado em Ciência da Computação no campus de Aracati em 2016

O aluno egresso do campus de Aracati, Daniel Victor Saraiva, do curso de bacharelado em Ciência da Computação, aprovou um artigo para publicação no 27º Workshop sobre Educação em Computação (WEI), que integra o Congresso da Sociedade Brasileira de Computação. O evento será realizado de 14 a 18 de julho, no Centro de Convenções da Amazônia, em Belém (PA).

O estudo intitulado "Uma proposta para predição de risco de evasão de estudantes em um curso técnico em informática" é o resultado parcial da pesquisa de mestrado no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação do IFCE (campi de Fortaleza e Maracanaú). Foi elaborado em parceria com o Laboratório de Redes de Computadores e Sistemas (LAR), localizado no campus Aracati, com a orientação da professora Carina Teixeira de Oliveira e coorientação do professor Reinaldo Bezerra Braga, do campus Aracati e do Mestrado em Ciência da Computação do IFCE.


A pesquisa partiu da base de dados dos alunos egressos do curso técnico em Informática de Aracati. “Como minha linha de pesquisa é na área de inteligência artificial, nós resolvemos usar algoritmos de aprendizagem de máquina para tentar prever a probabilidade de evasão dos alunos que estão em curso, baseado no histórico dos egressos”, explica Daniel. Segundo ele, a análise se dá tanto com base nos egressos com êxito, quanto nos sem êxito, ou seja, aqueles que abandonam, trancam ou solicitam transferência. “O objetivo é que gestores e professores possam realizar melhorias nas metodologias de ensino-aprendizagem, nos processos avaliativos e nas ações de incentivo à permanência e êxito de estudantes que estão com maior risco de evasão”, propõe.

A importância da aprovação do artigo para ser apresentado no WEI é atestada pelo conceito do evento, enquadrado como Qualis B3 na classificação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), que atesta a qualidade dos periódicos científicos nos quais os trabalhos são publicados. Nessa classificação, a Capes se utiliza de oito estratos (A1, A2, B1, B2, B3, B4, B5 e C), ficando os mais qualificados entre os níveis A e B.

Elinaldo Rodrigues - Campus de Aracati