Você está aqui: Página Inicial > Acaraú > Notícias > Campus promove campanha contra o Aedes aegypti
conteúdo

Notícias

Campus promove campanha contra o Aedes aegypti

SAÚDE

Campanha conta com palestra, roda de conversa, detecção de possíveis focos e panfletagem
publicado: 03/05/2018 09h51, última modificação: 03/05/2018 11h10
Elidiane Serpa Campanha contou com busca de possíveis focos do mosquito no campus

Campanha contou com busca de possíveis focos do mosquito no campus

Em virtude da necessidade de manutenção e intensificação das medidas de vigilância, prevenção e controle das doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti (dengue, zika e chikungunya) principalmente no período de chuvas, a Coordenadoria de Assuntos Estudantis (CAE) do campus de Acaraú, juntamente com os alunos da disciplina de microbiologia, do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas, realizaram ações de mobilização.

No dia 26 de abril, no período da tarde, no Átrio, foi realizada palestra com o tema: “Arboviroses: aspectos epidemiológicos, entomológicos e ações de prevenção”. A palestra foi ministrada por Rogério Edvar dos Santos, enfermeiro, assessor técnico e coordenador de endemias da 12ª Coordenadoria Regional de Saúde em Acaraú. Nos turnos da tarde e da noite, foi feita a apresentação de paródia sobre as fases da vida do mosquito pelos alunos de microbiologia, que buscaram conscientizar a todos acerca da importância de se prevenir a proliferação do mosquito, juntamente com a exibição de vídeos educativos.

Em 27 de abril, no turno da manhã, foi realizada uma roda de conversa com o tema: “Como combater o mosquito Aedes aegypti periodicamente", com os agentes de combate a endemias (ACE) da Secretaria Municipal de Saúde de Acaraú. Ainda foi feita uma vistoria nas dependências do campus pelos agentes, alunos e servidores com o fim de detectar e eliminar possíveis focos do mosquito. "Esse foi um importante momento em que os alunos ainda puderam conhecer melhor e acompanhar de perto o importante trabalho desses profissionais", destacou Elidiane Serpa, coordenadora de Assuntos Estudantis.

A campanha continuará nesta sexta-feira, 4 de maio, pela manhã, na Praça do Centenário onde serão fornecidas informações para a população sobre possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti e serão entregues panfletos de conscientização.